27 de jul de 2017

JIFs: RN conquista 84 medalhas e 18 troféus

 Foto: Thuan Duarte
De 18 a 23 de julho, o Centro de Formação Olímpica do Nordeste, em Fortaleza, foi palco de intensas atividades esportivas. Ali, o Conselho Nacional das Instituições da Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica, o Instituto Federal do Ceará, e parceiros, como o Governo do Estado, realizaram a edição 2017 dos Jogos dos Institutos Federais - etapa Nordeste.
O Instituto Federal do Rio Grande do Norte sagrou-se como grande campeão das disputas: foram 84 medalhas e 18 troféus, nas modalidades atletismo, basquetebol, futebol, futsal, handebol, judô, natação, tênis de mesa, voleibol, vôlei de praia e xadrez. Os vencedores classificaram-se para a etapa nacional dos jogos, que acontecerão em outubro, em Poços de Calda, Minas Gerais, organizados pelo IF Sul de Minas.
Resultados
O IFRN teve campeões em todas as modalidades individuais. Na natação e no judô, foi campeão geral. Já no xadrez, a equipe feminina foi campeã e  a masculina vice. O atletismo teve troféu de campeão para o masculino e de terceiro lugar para o feminino. Já no tênis de mesa, a situação foi invertida: campeão no feminino e terceiro lugar no masculino.
Nas modalidades coletivas, das 11 que disputou, brigou pelo troféu de campeão em 8. No vôlei, levou o ouro em tudo: quadra e praia, masculino e feminino, com 2 sets a 0 para o IFRN em todos eles. Em uma partida super acirrada, o futebol conquistou o título de campeão sobre o IFAL nos pênaltis. As meninas e os meninos do handebol levam para casa o troféu de vice-campeões. O basquetebol feminino chegou ao último dia de jogo com chances. Na contagem geral de pontos, ficou em terceiro.
Esforços conjuntos
Para o reitor do instituto, Wyllys Farkatt Tabosa, as medalhas e troféus conquistados são resultado do trabalho conjunto de alunos, gestores e servidores em geral. "Nosso objetivo é oportunizar a melhor formação possível para nossos estudantes, por isso priorizamos as ações voltadas diretamente a eles. Levar uma delegação com quase 200 atletas para os JIFs, no Ceará, foi uma ação planejada da nossa Diretoria de Atividades Estudantis. Receber a notícia desses resultados é esplêndido”, declarou.
As conquistas de 2017 bateram recorde: em 2016, por exemplo, foram 10 medalhas no atletismo; em 2017, 16. “Essa quantidade de prêmios é resultado de muito esforço, treino e dedicação dos alunos. É, também, produto de uma política educacional voltada à formação de cidadãos. É, ainda, fruto de um trabalho desenvolvido pela gestão do instituto, suas diretorias e campi", disse Dário Maia, coordenador geral da delegação do RN nos jogos.
Aldeir Torres
Aldeir Torres

Obrigado por visita.

Nenhum comentário:

Postar um comentário