1 de out de 2015

Suspenso até 2019, Jobson vai jogar campeonato amador no interior do Pará.

O atacante Jobson (Foto), 27 anos, ex-Botafogo, punido pela Fifa por ter se recusado a fazer um exame antidoping quando atuava pelo Al Ittihad, da Arábia Saudita, arranjou uma maneira de não ficar longe dos gramados até 2019, quando termina sua suspensão. Vai defender o Emerêncio, time de uma liga amadora do futebol paraense.
Jobson não vai receber salários para continuar jogando. O responsável pelo acordo com o jogador é Everaldo Lisboa Rocha, presidente da Liga Amadora Conceição do Araguaia, cidade que fica a 979 km da capital Belém (e 348 km de Palmas, no Tocantins).
O jogador assinou a ficha de inscrição há dois dias e está motivado, treinando para participar de uma competição local. O presidente da Liga Amadora, Everaldo Lisboa, disse que Jobson quer ser o artilheiro.
“Este campeonato vai ser bom para que ele não fique parado. Jobson tem muita esperança de voltar a jogar ainda pelo Botafogo", afirmou o dirigente.
O campeonato que o jogador vai participar chama-se Copa Primavera. Conta com oito equipes, que jogam entre si uma fase de classificação. Os quatro melhores vão às semifinais e depois para a final, que será no dia 12 de dezembro.
Aldeir Torres
Aldeir Torres

Obrigado por visita.

Nenhum comentário:

Postar um comentário