24 de set de 2015

Federação diz que horário de jogo feminino foi determinado pela CBF

A Federação de Futebol do Piauí (FFP) informou que solicitou a mudança de horário da partida desta quarta-feira (23), mas a Confederação Brasileira de Futebol (CBF) rejeitou o pedido e o horário foi mantido para 15h. 
"Já prevendo as dificuldades de uma partida de futebol realizada às 15h, a Federação de Futebol do Piauí solicitou à CBF, no dia 20 de setembro, a alteração no jogo para as 19 horas. A confederação, no entanto, manteve o horário alegando que, por se tratar da última rodada da fase classificatória do Campeonato Brasileiro Feminino, todos os jogos deveriam acontecer em horários concomitantes no país", diz a nota enviada pela FFP. Apesar de se isentar de culpa, a FFP alerta que o calor pode não ter sido o único fator dos problemas sofridos pelas jogadoras do time maranhense. "A FFP se preocupa com o estado de saúde das atletas, mas indica que vale verificar as condições em que as jogadoras do Viana entraram em campo - como horário de alimentação, por exemplo, visto que, nenhuma jogadora do Tiradentes, nosso representante, sofreu alguma adversidade", pontuou. O assunto ganhou repercussão nacional e foi destaque do SBT Brasil desta quarta-feira (23). Ao telejornal, a CBF informou que irá rever os horários de partidas no Norte e Nordeste do país.
Aldeir Torres
Aldeir Torres

Obrigado por visita.

Nenhum comentário:

Postar um comentário