14 de ago de 2014

Aldeir Torres - Marconi Barretto.

"É uma surpresa", diz presidente do Globo FC sobre regras da Copinha!


Finalista do Campeonato Potiguar Sub-19, a equipe do Globo FC já teria vaga assegurada para disputar a Copa São Paulo de Futebol Júnior de 2015. Porém, aresolução nº 112/14 da Federação Paulista de Futebol, publicada em 29 de julho, que trata de Diretrizes da competição, diz que para participar da Copinha "a associação deverá estar filiada como clube profissional há mais de 02 (dois) anos em sua Federação local e ser vinculada à CBF". O clube de Ceará-Mirim foi criado em 18 de outubro de 2012, mas só foi oficializado pela Federação Norte-rio-grandense de Futebol em 22 de março de 2013 e, portanto, não atende à exigência prevista no regulamento do torneio nacional. Para mim isso é uma surpresa porque muitas vezes você não entra nesses detalhes. 


Eu acho que detalhes dessa natureza poderiam ser esclarecidos antes de começar o campeonato. É lamentável porque meus jogadores ganharam, têm o direito de participar. É uma ducha de agua fria. Mas se é o regulamento, o que podemos fazer, né? - lamenta o presidente do Globo FC, Marconi Barretto. O presidente do clube lamentou a situação e disse que achava que os dois anos ao qual se refere o regulamento da Copinha se tratava da data de fundação do clube. Sobre a possibilidade do ABC ficar ficar com uma das vagas do Rio Grande do Norte na Copa São Paulo, Barretto afirmou que se fosse seu time, teria vergonha de ganhar a vaga no "tapetão".- Não sei se o ABC vai pleitear isso (a vaga). 


Se fosse o meu clube eu teria vergonha de procurar as entrelinhas do regulamento para pleitear isso. Eu acredito que o ABC sabia disso e estava na expectativa para saber até onde o Globo iria chegar. Como ele (ABC) não ganhou no campo, vai ganhar no 'tapetão', como fez com o Novo Hamburgo, recentemente. Isso não é bom para o futebol. Fica parecendo que o campo não tem mais valor. Eu só faço lamentar – disse.
Aldeir Torres
Aldeir Torres

Obrigado por visita.

Nenhum comentário:

Postar um comentário