23 de set de 2013

Aldeir Tôrres - Flamengo

 Entrega ouro e Elias vira Deivid
O Flamengo desperdiçou a maior chance de faturar três (03) pontos, neste domingo, na Arena Pernambuco, contra o frágil time do Náutico. Se o Timbú tem hoje o time mais fraco da primeira divisão, eu acredito sinceramente que seria também um dos mais fracos da segunda. Que coisa horrorosa, medonha, pavorosa. E nem mesmo diante de um adversário tão convidativo, o time da Gávea conseguiu traduzir sua superioridade em gol. Não jogou bem, na verdade quase nada, e nem mesmo parecia o Flamengo.
Mas a “cereja do bolo” veio, aos quarenta e sete (47) do segundo tempo. O goleiro pulou para o lado direito e rebateu a bola para o meio da pequena área, onde completamente livre, estava Elias. Bem, com o goleiro caído para o lado direito e ele, Elias, na pequena área sem marcação, aconteceu a único coisa que não podia. Elias, lembrando as bisonhas furadas  e lances bizarros de Deivid, deu um bico para cima. Fez o mais difícil. Tirou a bola da reta do gol. Assim não pode ganhar mesmo. E não ganhando da “baba” fica em posição delicada.
Que o Flamengo e o Botafogo, que também perdeu, de virada para o Bahía, façam um jogão na quarta-feira, no Maracanã. Será outro papo, outra competição e com decisão em 2 jogos na elétrica Copa do Brasil.
Aldeir Torres
Aldeir Torres

Obrigado por visita.

Nenhum comentário:

Postar um comentário